Produtora gaúcha desenvolve FPS online com investimento da Aeria Games

Posted: quarta-feira, 1 de dezembro de 2010 by Luis Fernando in
1

Em comunicado à imprensa, a distribuidora Aeria Games oficializou nesta segunda-feira uma parceria com a produtora brasileira Aquiris, de Porto Alegre, para o desenvolvimento de um jogo de tiro online com visão em primeira pessoa e para múltiplos jogadores simultaneamente.

Ainda sem título oficial divulgado, o game tem teste beta fechado previsto para o primeiro trimestre. O jogo está programado para sair no PC e Macintosh. Logo depois, está planejada uma versão para navegador do game.

Segundo Israel Mendes, diretor da Aquiris, o diferencial do jogo é que todos os usuários poderão jogar entre si, independentemente da plataforma. Sobre a história, o título narra um "possível futuro", entre 30 e 50 anos, com conflitos gerados a partir de mudanças de políticas econômicas. A sustentabilidade é outro assunto em pauta.

Há poucas informações sobre o game, mas a companhia diz que haverá "múltiplas modalidades de jogo" - as tradicionais, como mata-mata e captura de bandeira, estão garantidas - e um "extenso arsenal de armas militares realistas".

O título entrou definitivamente em produção em julho, e, atualmente, 22 pessoas se dedicam ao projeto.

Tecnologia

O game utiliza o motor gráfico Unity 3 (o mesmo usado em "Taikodom", por exemplo) e, como os outros games da Aeria, será gratuito para jogar. A renda virá de venda de itens, acessórios, armas e personagens dentro do jogo.

"Usar o motor Unity 3 significa que poderemos permitir que qualquer um, em qualquer lugar, possa entrar no game e competir, através de um programa cliente ou por um navegador de internet]", diz Mauricio Longoni, chefe de tecnologia da Aquiris.

"Ser possível jogar um game de tiro robusto e veloz contra uma audiência mundial, independentemente da plataforma ou localização, é um feito e tanto", comenta Lan Hoang, executivo-chefe da Aeria Games. "Dar essa oportunidade sem custos é uma conquista que redefine o que os jogadores podem esperar de um game gratuito para jogar".

A estratégia parece parte do comprometimento da Aeria Games com a América Latina. Em agosto, ao estabelecer escritório em São Paulo, base para as operações no continente, afirmou que investirá US$ 15 milhões em dois anos na região. À época, a distribuidora afirmou ter 15 milhões de jogadores no mundo todo.

1 comentários:

  1. PSBR says:

    DA UM OLHADA NO BLOG SE GOSTA VAMOS FAZER PARCERIA http://www.ps3eciabr.blogspot.com/

    CONTATO

    ps3eciabrasil2010@hotmail.com